QUARENTENA:FRANCA CONTINUA NA FASE VERMELHA ATÉ 10 ME AGOSTO

  • 10/08/2018
  • 0 Comentário(s)

QUARENTENA:FRANCA CONTINUA NA FASE VERMELHA ATÉ 10 ME AGOSTO

Sem regressão de fase em nenhuma região e com quarentena prorrogada até o dia 10 de agosto, o governador João Doria (PSDB) anunciou nesta sexta-feira, 24, a oitava atualização do Plano São Paulo de retomada econômica e enfrentamento do coronavírus. O controle rigoroso de indicadores de saúde e reabertura gradual de atividades não essenciais viabilizou avanço das regiões de Araçatuba e Campinas da etapa vermelha para a laranja, e de Araraquara da etapa laranja para a amarela.

Das 17 áreas de DRSs (Departamentos Regionais de Saúde) estabelecidas no Plano São Paulo, apenas três permanecem na etapa vermelha, com restrição total ao atendimento presencial de comércios e serviços não essenciais. A ocupação de leitos de terapia intensiva para pacientes COVID-19 nas regiões de Franca (82,5%), Piracicaba (84,8%) e Ribeirão Preto (91,4%) é considerada preocupante e exige a continuidade das restrições.

A maior parte do território paulista está na fase laranja, que permite funcionamento com 20% da capacidade de público em escritórios em geral, imobiliárias, comércio de rua, shoppings e concessionárias. A abertura é restrita a quatro horas diárias, todos os dias, ou seis horas durante quatro dias e fechamento por três.

Atualmente, essa etapa abrange as regiões de Araçatuba, Barretos, Bauru, Campinas, Marília, Presidente Prudente, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, Sorocaba, Taubaté e a sub-região Norte da Grande São Paulo.

Já a flexibilização intermediária da etapa amarela abrange as regiões de Araraquara, Baixada Santista e Registro, além da capital e sub-regiões Leste, Oeste, Sul e Sudeste da Grande São Paulo. Ela permite reabrir bares, restaurantes e salões de beleza com 40% da capacidade, além de academias com 30% de vagas e expediente limitado a seis horas por dia.

A permanência por 28 dias seguidos na fase amarela também permite a reabertura, com limitações, de espaços culturais como museus, bibliotecas, cinemas, teatros e salas de espetáculos. Assim, as prefeituras da capital e os municípios das regiões do ABC e de Taboão da Serra poderão autorizar a retomada a partir da próxima segunda, 27, após aprovação de protocolos sanitários específicos.

Evolução da pandemia

De acordo com os indicadores hospitalares e de evolução da pandemia nos últimos sete dias, o governo de São Paulo verificou estabilidade com viés de desaceleração em relação à medição anterior.

A média atual de ocupação de leitos de terapia intensiva para pacientes graves de covid-19 é de 66,1%, com 20,4 vagas por 100 mil habitantes. O acompanhamento estatístico da pandemia mostrou queda de 5% na variação de casos confirmados e de 4% nas internações de pacientes com covid-19. O número de mortes também teve redução de 3% na atual classificação.

FONTE HERTZ NOTÍCIAS

0 Comentários


Deixe seu comentário


Aplicativos


Locutor no Ar

Admin

MANHÃ SÓ SAUDADE

08:00 - 12:00

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Anunciantes